O Projeto “Rede Couro e Arte – Do Lixo ao Luxo” conta hoje com 25 artesãos que trabalham com o reaproveitamento de couro descartado pelas indústrias de calçados da cidade, para confeccionarem: bolsas, tapetes, flores em couro, chaveiros, pufes, miniaturas de calçados, entre outros. Com criatividade e personalidade, os artesãos combinam a prática e o uso do couro com outros tipos de materiais. Este grupo tem total apoio do Fundo Social recebendo treinamentos, qualificação e até participando de grandes feiras e eventos como a Francal, Couromoda, exposições em Olímpia, Nuporanga, Belo Horizonte, o Revelando São Paulo realizado pela segunda vez na cidade, entre outros. Atualmente, os artesãos do projeto Rede Couro e Arte do Lixo ao Luxo, contam com dois pontos fixos para a venda de seus produtos, no Bazar Permanente na própria sede do Fundo, no Colégio Champagnat e o Quiosque do Artesão, que fica na praça Barão, no centro da cidade.

Este é o Fundo Social de Solidariedade ajudando as famílias de Franca a conquistarem um emprego digno e uma qualidade de vida melhor.

[Fonte: http://www.franca.sp.gov.br/tvfranca/v07122009.html]

© fotos do acervo por Pierre Yves Refalo. Para compra de peças entre em contato direto com os artesãos.